DE VOLTA PARA CASA

Recém-separada do marido, Alice decide recomeçar a sua via se mudando para sua cidade natal, Los Angeles, com as duas filhas. Durante uma comemoração do seu aniversário de 40 anos, ela conhece três cineastas que precisam de um lugar para morar e acaba deixando os rapazes permanecerem em seu quarto de hóspede temporariamente, mas o acordo gera situações inesperadas. Esta é a sinopse de mais uma comédia romântica do cinema americano e que segue a risca o formato.

O legal desta comédia é ter o mundo do cinema como pano de fundo para a trama e vida dos personagens, o que faz aparecer um certo clima de homenagem da diretora e, consequentemente, dos atores.

O elenco entrega o filme redondo, sem atuações dignas de prêmios mas criando a empatia necessária para que o público saia satisfeito da sala de cinema, principalmente Reese Whisterspoon e Michael Sheen. Um filme feito para divertir e fazer a gente sair leve do cinema.

A diretora e roteirista Hallie Meyers-Shyer estreia no cinema de forma positiva, mesmo com peso de ser filha da já consagrada diretora Nancy Meyers, famosa pelo gênero e, neste filme, produtora.

“O mais divertido em “De Volta para Casa” é o fato do longa não desejar se envolver em uma trama de romances, focando justamente num relacionamento familiar que surge entre aqueles grupos”. Observatório do Cinema

457578.jpg-c_215_290_x-f_jpg-q_x-xxyxx

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s