ATÉ O ÚLTIMO HOMEM

Mel Gibson mais uma vez expõe sua veia de diretor com cenas fortes e uma história que traz a fé como sinônimo de força para alcançar objetivos. O filme conta a história de Desmond T. Doss, bem representado pelo ator Andrew Garfield, que se recusa a pegar em uma arma e matar pessoas, porém, durante a Batalha de Okinawa ele trabalha na ala médica e salva mais de 75 homens, sendo condecorado. O que faz dele o primeiro Opositor Consciente da história norte-americana a receber a Medalha de Honra do Congresso.

O diretor tem o dom para retratar cenas fortes e realistas de violência, assim como fez em “A Paixão de Cristo” de 2004, onde ele deixa claro ser um cara católico com posições tradicionais. Nesse filme não é diferente, ele faz com que o personagem principal Doss tenha falas e cenas que remetem a passagens bíblicas como a cena onde, perdido em meio à carnificina, pergunta o que Deus quer dele e outra onde ele restitui a luz a um soldado ferido que julgava estar cego ao lavar-lhe os olhos. Porém isso em nada compromete a mensagem anti-guerra que o filme deseja passar.

É um bom filme, que mostra um roteiro feito com a boa e antiga fórmula e extremo realismo, até mesmo por ser baseado em fatos reais da recente história mundial, apresenta a invasão de Okinawa na 2ª Grande Guerra, onde os depoimentos originais dos combatentes reforçam a veracidade ao final do filme. São cenas muito bem filmadas,  percebemos o uso da técnica da câmera na mão, muita tensão, suspense, ação, envoltos numa fotografia estudada, forte e poética.

“De volta ao jogo com Até o Último Homem, Mel Gibson prova mais uma vez que é um narrador competente que sabe exatamente como elevar a tensão, incrementar a emoção e construir intensidade até atingir picos explosivos”. The Hollywood Reporter

457312-jpg-c_215_290_x-f_jpg-q_x-xxyxx

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s