BEIJEI UMA GAROTA

Jérémy (Pio Marmaï) acorda misteriosamente ao lado de uma mulher, Adna (Adrianna Gradziel). Ele fica confuso, pois é gay e está de casamento marcado com Antoine (Lannick Gautry). Cheio de dúvidas, Jérémy tem de se decidir entre o futuro marido e uma mulher que lhe despertou novos sentimentos.

O filme chama a atenção pelo lado dos questionamentos de Jérémie em sua tentativa desesperada em compreender o que está acontecendo. Não se trata de uma súbita atração por mulheres, já que ele apenas tem interesse naquela com quem passou a noite – coisas que só o coração explica. Tal situação até é bem conduzida pelo lado afetivo, com a aproximação cada vez maior entre Jérémie e Adna e os problemas inevitáveis do triângulo amoroso, em boa parte auxiliada pela ingenuidade e o lado meio trapalhão do personagem principal.

“Beijei uma Garota levanta muitas questões interessantes. Faltou apenas coragem para desenvolvê-las da maneira mais apropriada, elevando o discurso para além do passatempo genérico.” Papo de Cinema

Beijei uma Garota2

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s