O ABUTRE

É uma pérola, uma preciosidade.

De fato, não é de hoje que o jornalista – em especial o sensacionalista – carrega consigo a analogia de um abutre em busca de carniça. ‘Se tem sangue, é notícia’, diz aqui o personagem de Bill Paxton, um veterano cinegrafista. A editora Nina (Rene Russo), em outro momento, descreve: ‘Imagine o nosso jornal como uma mulher aos gritos, com a garganta cortada, correndo pela rua’.

‘O Abutre’ segue Louis Bloom (Jake Gyllenhaal), um determinado jovem que vive sozinho em Los Angeles e não mede esforços na busca por um trabalho. Inicialmente um ladrão, ele acaba se lançando como cinegrafista freelancer atrás dos furos de reportagens sangrentos da madrugada.

ela criatividade do roteiro, entrega nas interpretações e a direção ágil e envolvente, “O Abutre” traz uma boa história contada de uma boa maneira.

“Gylenhaal, notável […] Suas palavras não desmentem o que o rosto diz, apenas explicitam: pode ser humilde, bajulador, chantagista, preciso. “O Abutre” é a história de um homem talhado para o êxito. O mundo da mídia apenas facilita as coisas.” Folha de São Paulo

102007

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s