CLUBE DE COMPRAS DALLAS

Se a magreza dos atores para viver o papel de vítimas da AIDS, lá atrás, quando surgiram os primeiros casos da doença, continua fazendo efeito, é importante dizer que o filme tem mais a oferecer.

Baseado em uma história real, trata de sobrevivência, medo, amizade e força, em um período onde ser portador do HIV era uma sombra e um peso na sociedade.

Criticando duramente as políticas comerciais e desumanas da indústria farmacêutica, que segundo o protagonista “oferecem açúcar para quem está morrendo” (o placebo dos testes), o roteiro mergulha você de cabeça naquele universo triste e degradante. A diferença, porém, está na opção por não apelar para o melodrama e o choro fácil.

A atuação de McConaughey não é a única digna de nota nesta história instingante e incrivelmente cativante, que traz Jared Leto como cúmplice transexual. Ótimas críticas (e prêmios) para os dois atores deveriam chamar a atenção para este que é um dos melhores e mais vitais filmes do ano”. Variety

dallas-buyers-club-poster1

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s