OS AMANTES PASSAGEIROS

Os fanáticos pelo diretor espanhol, no entanto, vão lembrar de seus primeiros filmes.

A obra é propositalmente exagerada, ao ponto de Almodóvar apontar este como sendo seu “filme mais gay”. Tratando a homossexualidade com muito humor, o diretor coloca seus três comissários como gays, enquanto que o piloto é bissexual e o copiloto é heterossexual, mas infeliz no casamento. Ele usa os estereótipos como elementos cômicos e não para ofender. É importante reforçar que não é apenas o homossexual que é retratado de forma estereotipada, isso também acontece com relação a sul-americanos e mexicanos.

Um filme muito divertido, uma celebração despretensiosa da sexualidade humana que se transforma em uma experiência catártica para os personagens, para o público e para o próprio diretor. (Variety)

amantes

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s