OBLIVION

Trata de um  conflito do personagem central, em descobrir sua verdadeira identidade no ambiente hostil em que vive. É um filme absolutamente lindo nas imagens, preso dramaticamente entre as aspirações ao romantismo poético, requenta várias ideias, sem se aprofundar realmente em nenhuma delas e segue fixado nas exigências de grandes cenas de ação.

O diretor limitou ao máximo o uso de cenografia virtual. O resultado é atraente e longe de artificialismos cênicos, porém com um final confuso.

O que salva mesmo no final é o charme de Tom Cruise.

Oblivion-4

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s